segunda-feira, 26 de julho de 2010 | By: Cainan

Sonora Memória

Adiante vejo luz

Forte energia que irradia

Na mente uma lapso de nostallgia

Na memoria uma bala perdida

Viagens piradas

Esquecidas no tempo

Ventos de esperanças

O mundo cada vez mais cinzento

Vejo ainda a vida colorida

Verdades obvias

Mais uma vez...

Escolhas sabias.

Em momentos fracos

Uma vez a encontrei...

Olho para trás e vejo aquela luz

Naquele tempo obscuro

E aquele lapso que agunia

Ficou somente uma alma perdida

Um comentário:

Raquel disse...

tá mandando ver hein sacana!!! Gostei mto... da expressão e do sentimento... arte pura vida!!! bjão, tudo de mais positivo sempre... é noixxx

Postar um comentário